Domingo, 24 de Outubro de 2021
Geral Pará

Festival Canta Servidor premia o talento de quatro servidores públicos

Na grande final, a Escola de Governança do Pará também entregou prêmios aos vencedores do 'Inova Servidor'

08/10/2021 às 01h05
Por: Pará1 Fonte: Secom Pará
Compartilhe:
Foto: Reprodução/Secom Pará
Foto: Reprodução/Secom Pará

O 'Canta Servidor' é promovido pela EGPA em parceria com a Funtelpa e Fundação Cultural
O 'Canta Servidor' é promovido pela EGPA em parceria com a Funtelpa e Fundação Cultural - (Foto: Rodrigo Pinheiro / Ag. Pará)
Samba, carimbó, pop, rock e muitos outros ritmos animaram a grande final do 3° Festival de Música do Funcionalismo Paraense, o “Canta Servidor”, na noite desta quinta-feira (7). Promovido pelo Governo do Pará, por meio da Escola de Governança Pública do Estado (EGPA), com a parceria da Fundação Cultural do Pará (FCP) e Fundação de Radiodifusão (Funtelpa), o Festival foi transmitido ao vivo pela TV Cultura e pelo canal do Youtube da EGPA.
O Festival teve mais de 70 servidores inscritos e premiou quatro finalistas
O Festival teve mais de 70 servidores inscritos e premiou quatro finalistas - (Foto: Rodrigo Pinheiro / Ag. Pará)

Entre 71 inscrições, foram selecionados 12 finalistas, com três representantes de cada uma das regiões dispostas no edital da premiação. Os 12 servidores se apresentaram no Teatro Margarida Schivasappa, no prédio da FCP, com uma banda de apoio. Os vencedores de cada região foram: Almino do Carmo, com a música Fobia, pela Região Metropolitana de Belém; O Homem e a Castanheira, de autoria de Charles Ribeiro, do Nordeste e Sudeste; Raimundo Nonato, com a música Batuque Nativo, pelo Baixo Amazonas e Sudoeste, e a música Pra Comer Siri, pela Região do Marajó, do servidor Wilton Farias.

A premiação valoriza o talento de servidores de todas as regiões do Pará
A premiação valoriza o talento de servidores de todas as regiões do Pará - (Foto: Rodrigo Pinheiro / Ag. Pará)

"É bom demais estar aqui e ver nossa arte sendo reconhecida. Muitos festivais podem aprender com o ‘Canta Servidor’. Gosto muito do Festival e quero continuar participando", disse Charles Ribeiro, que atua na Secretaria de Educação do município de Jacundá, na região Sudeste, e sai do Festival pela segunda vez como vencedor.

Foto: Rodrigo Pinheiro / Ag. Pará
Evanilza Marinho, diretora-geral da Escola de Governança
Foto: Reprodução/Secom Pará
Todas as regiões- A diretora-geral da Escola de Governança, Evanilza Marinho, falou sobre mais uma edição do Festival. "É uma alegria enorme realizar mais uma final do ‘Canta Servidor’ e contar com essas parcerias, que fortalecem o nosso trabalho. Tivemos com os 12 finalistas a participação de todas as regiões do Pará; é fantástico!", afirmou a gestora.

O “Canta Servidor” recebe composições inéditas, mostrando a variedade da produção musical paraense, com o objetivo de valorizar os servidores nos campos da arte e cultura. Assim como no ano passado, além da avaliação dos jurados os participantes passaram por votação popular, por meio do canal do Youtube da Escola de Governança.

Gestores do Estado ao lado de um dos vencedores do Festival
Gestores do Estado ao lado de um dos vencedores do Festival - (Foto: Rodrigo Pinheiro / Ag. Pará)

Homenagem- Durante a programação também houve homenagem ao músico compositor paraense Sebastião Tapajós. Os três servidores finalistas de Santarém, e o músico Pedrinho Cavalléro, apresentaram a canção "Navio Gaiola", de autoria do violonista falecido na última semana.

"Foi emocionante participar desta homenagem. Eu tive contato com o Sebastião, fiz muitos shows, e tive dois discos gravados em parceria com ele", contou Gonzaga Blantez. “É gratificante também estar de volta aos palcos, aos poucos, e com proteção, e aproveitar a oportunidade de mostrar o que produzimos neste período em casa”, acrescentou o artista.

Inova Servidor– No evento também foram entregues as premiações para os vencedores do Inova Servidor, mais uma ação de Valorização proposta pela EGPA, que destaca iniciativas inovadoras no serviço público estadual. Os projetos foram apresentados no mês de junho, e o primeiro lugar desta edição ficou com a iniciativa “Policiamento Comunitário Escolar”, realizada por servidores da Polícia Militar do Pará, do 35º Batalhão, que atuam no Policiamento Comunitário Escolar nos municípios de Santarém, Belterra e Mojuí dos Campos.

A grande final do Festival Canta Servidor ocorreu no palco do Teatro Margarida Schivasappa
A grande final do Festival Canta Servidor ocorreu no palco do Teatro Margarida Schivasappa - (Foto: Rodrigo Pinheiro / Ag. Pará)

"Ficamos orgulhosos deste projeto, que possibilita uma interação maior da Polícia Militar com toda a comunidade escolar. Este reconhecimento da Escola de Governança demonstra a criatividade dos nossos policiais para estar sempre melhorando nossa atividade. Ações como esta nos permitiram alcançar em 2020 o reconhecimento nacional, como estado que mais reduziu a criminalidade", destacou o comandante-geral da Polícia Militar, coronel Dilson Júnior, que entregou o prêmio à equipe vencedora.

O segundo lugar da premiação ficou para a Procuradoria-Geral do Estado do Pará (PGE), com o Projeto “Conciliar é um caminho para a paz”, da Câmara de Negociação, Conciliação, Mediação e Arbitragem (CAMPGE). O terceiro lugar ficou com “Pesquise na Quarentena: Iniciação Científica e Pós-Graduação; Msc E Dsc”, da Fundação Amazônia de Amparo a Estudos e Pesquisa (Fapespa).

Um show da banda Fruta Quente encerrou a programação.

Por Isabela Quirino (EGPA)
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Horóscopo
Áries
Touro
Gêmeos
Câncer
Leão
Virgem
Libra
Escorpião
Sagitário
Capricórnio
Aquário
Peixes