Domingo, 24 de Outubro de 2021
Geral Pará

Cerimônia da “Descida do Glória” faz percurso inédito e emociona fiéis, na Basílica de Nazaré

Para celebrar a padroeira dos paraenses, a imagem original que fica no alto do altar desce todos os anos durante a quadra nazarena para ficar mais perto dos fiéis. A tradicional cerimônia da Descida do Glória foi diferente este ano. Ao...

09/10/2021 às 14h10
Por: Pará1 Fonte: Secom Pará
Compartilhe:
Foto: Reprodução/Secom Pará
Foto: Reprodução/Secom Pará

Para celebrar a padroeira dos paraenses, a imagem original que fica no alto do altar desce todos os anos durante a quadra nazarena para ficar mais perto dos fiéis. A tradicional cerimônia da Descida do Glória foi diferente este ano. Ao invés do curto percurso entre o Glória e redoma de vidro do altar, a imagem original percorreu toda a Basílica de Nazaré e foi até a porta principal saudar quem estava do lado de fora acompanhar a cerimônia pelos telões. Momento único para um Círio especial. 

A emoção tomou conta de todos que estavam na Basílica Santuário, entre eles, o Governador do Estado. 

“Passa na cabeça tanta gente que sofreu, que perdeu entes queridos, e a gente poder perceber que as coisas estão voltando, sem dúvida alguma é um momento muito especial. Maria está próxima das pessoas e as pessoas podem renovar a sua esperança. É um momento de vitória da vida, da ciência, vitória de toda a população que se uniu para vencer este momento. O Círio é o nosso Natal, representa o Natal dos paraense. Que Nossa Senhora abençoe a vida de todos!”, disse Helder Barbalho. 

Na cerimônia, 450 pessoas que aguardaram na fila para entrar na Basílica, além de autoridades como o Governador do Estado, Helder Barbalho, a primeira dama do Estado, Daniela Barbalho, o Procurador Geral de Justiça do Estado, César Mattar, a Arquidiocese de Belém e a Diretoria do Círio.


“Este ano, o desafio está sendo maior do que no ano passado, já que fizemos tudo a portas fechadas em 2020. Esse ano, conseguimos dar um passo além, já temos com fiéis na igreja, um grande desafio, como levar a imagem de Nossa  Senhora para perto do povo. Vamos ter durante 15 dias, a imagem peregrina com a berlinda, na praça Santuário. Quando pudermos voltar às ruas, se Deus quiser em 2022, todos nós vamos encontrar um Círio diferente porque nos reaproximamos, fomos buscar o círio dentro de nós”, ressaltou Albano Martins, Diretor Coordenador do Círio 2021. 

Cada cerimônia do Círio tem um significado especial, mas todas são cheias de emoção e exalam a energia da fé movida por quem acredita na força de Nossa Senhora de Nazaré. 

“Só a presença de estar aqui na casa da mãe, nesta época, mexe muito com a gente. círio representa fé, amor, união, muita coisa! É muito emocionante, a gente não tem palavras para explicar, nesse dia é só chorar e agradecer”, refletiu Eliane Silva, Policial Militar, que estava de folga e aproveitou para acompanhar as celebrações deste sábado. 

 

Por Tayná Horiguchi (COSANPA)
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Horóscopo
Áries
Touro
Gêmeos
Câncer
Leão
Virgem
Libra
Escorpião
Sagitário
Capricórnio
Aquário
Peixes