Geral Pará

Caravana de Cidadania e Direitos Humanos faz mais de 300 atendimentos em Medicilândia

A iniciativa facilita principalmente o acesso a novas vias de documentos e a orientações sobre defesa do consumidor

13/11/2021 às 14h40
Por: Pará1 Fonte: Secom Pará
Compartilhe:
Foto: Reprodução/Secom Pará
Foto: Reprodução/Secom Pará

O município de Medicilândia, no oeste paraense, recebeu neste sábado (13) uma grande ação da Caravana de Cidadania e Direitos Humanos, que a Secretaria de Estado de Justiça e Direitos Humanos (Sejudh) está promovendo pelas regiões de Integração Xingu e Tapajós. Os atendimentos ocorreram na sede da Câmara Municipal de Vereadores, com a emissão de quase 300 carteiras de identidade, além de cadastro para emissão da carteira de trabalho digital e orientação ao consumidor, por meio do Procon Pará.

O casal Severino Dias e Maria Santana, moradores de Medicilândia, garantiram nova documentação. Eles portavam documentos antigos, por isso encontravam dificuldades par atendimento em diversos locais. "No médico e no banco, os funcionários estavam reclamando muito porque nossos documentos eram muito antigos. Segundos eles, estavam sem validade", disse Severino.

Para Maria Santana, a celeridade no atendimento prestado pela Sejudh, foi um grande diferencial. “Ações como essas são necessárias porque moramos longe de Santarém e Altamira, e é sempre muito difícil garantir um documento de forma rápida. Na próxima quinta-feira já vou estar com a nova identidade em mãos”, informou a agricultora.

Documento completo- A coordenadora de Promoção da Cidadania e Defesa dos Direitos Humanos da Sejudh, Gisele Borges, ressaltou que a Secretaria está empenhada em levar o melhor atendimento à população. Outro ponto enfatizado pela coordenadora é que o novo RG é mais completo. “No novo documento é possível incluir CPF, Cartão Nacional de Saúde (Cartão SUS), Título de Eleitor, Carteira Nacional de Habilitação, registro profissional, fator RH, entre outros, o que faz com que o usuário do serviço não precise andar com todos os documentos de forma separada”, frisou.

Maria das Graças de Oliveira levou o filho, Marcos Francisco de Oliveira, para garantir a primeira via da carteira de identidade. “A Escola estava cobrando há mais de dois anos a carteira de identidade. Como não vem material suficiente para a Prefeitura, chegamos cedo para garantir nosso atendimento”, disse Maria das Graças.

A Caravana de Cidadania e Direitos Humanos contou com a parceria da Prefeitura Municipal de Medicilândia e da Câmara de Vereadores, que garantiram apoio logístico e material para os serviços.

Nos próximos dias, os serviços serão levados para os municípios de Aveiro (incluindo o distrito de Fordlândia), Rurópolis e Pacajá.

Por Gerlando Klinger (SEJUDH)
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Horóscopo
Áries
Touro
Gêmeos
Câncer
Leão
Virgem
Libra
Escorpião
Sagitário
Capricórnio
Aquário
Peixes
Anúncio